PROGRAMAÇÃO E INFORMAÇÕES

 

PERÍODO: 26 DE OUTUBRO A 03 DE NOVEMBRO DE 2017

 

ROATAN - HONDURAS
 
Roatan não pode ser comparada com nenhum outro local pelo qual já passamos. Somos da filosofia que o melhor mergulho é sempre o próximo e que um mergulho ruim é 10 vezes melhor que meu melhor dia de escritório, mas colocar essas máximas para Roatan é complicado. Por todos os locais aonde passamos temos sempre um perfil de mergulho predominante, Corais, Aquários, Profundos, Naufrágios, Cavernas, alta visibilidade, baixa visibilidade, muita vida, pouca vida, golfinhos, tubarões, enfim, uma série de diferentes estilos de mergulho. Agora, imagine colocar isso tudo num lugar só e ainda colocar um serviço de hotelaria, alimentação, embarcação, estrutura que podem ser consideradas perfeitas?
 
É assim que começa um dia em Roatan, com uma fortíssima sugestão para o Anthony's Key Resort, resort exclusivo para mergulhadores com disponibilidade extremamente limitada, portanto super disputado e exclusivo, e é assim que você vai se sentir por uma semana, exclusivo.  Abra seus olhos, olhe pela janela de parede inteira ao lado da cama de seu quarto e veja o oceano infinito a 2 metros de você... Não dá para se lembrar de sua sogra, nem da reforma na casa e muito menos do cartão de crédito!!!! Sim, seu quarto está a dois metros da linha d'água, se você tiver sorte e a maré estiver alta provavelmente ele vai estar batendo nas estacas de sustentação de sua  "habitacion", triste destino, nesse momento você se dá conta que é morador de uma palafita no mar de uma ilha de outra ilha no Caribe, sim, uma ilha de outra ilha, porque as cabanas/quartos ficam em uma ilhota exclusiva afastada 200 metros da ilha principal que é Roatan.
 
Saia de seu quarto, sua varanda é um deck acima do mar, olhe para o sol nascendo. Nesse momento, já é hora de partir para um café da manhã preparado por um "cheff" e logo em seguida pegar seus equipos em um "locked" exclusivo que fica a não mais que 20 metros de SEU barco... E assim passamos uma semana acordando.

 

Indo para o café da manhã passamos por uma floresta de coqueiros que cerca a piscina ( de verdade, não 3x5 como as que encontramos por aí ). Chegamos ao nosso primeiro transporte, uma pequena catraia que fica disponível 24 horas por dia levando-o para Roatan ( 200 metros ) e vice versa, inacreditável, durante uma semana não esperamos mais que dois minutos para sermos atravessados da ilhota de nossas cabanas a estrutura principal de nosso hotel. Nosso café da manhã é um sonho, a estrutura principal é construída suspensa, toda em madeira bruta, ampla, confortável, aconchegante e mais do que tudo, ecologicamente correta, lembrando bastante uma cabana de Robinson Crusoé luxuosa e espaçosa. Tudo parece ser pensado para estarmos a todo momento cercados de luxo rústico e inseridos na natureza. Café da manhã tomado, e pense num café da manhã, nada de self-service. São pratos individuais variados, preparados especificamente para nós com opções para gregos e troianos, sempre atendidos pelo mesmo garçom que passa o dia sorrindo e cantando Bob Marley. Chega de distrações, é chegada a hora de irmos para a água, e aí é que estão as maiores surpresas.
 
A 100 metros do café da manhã, temos 12 barcos de tamanhos diferentes, cada qual com seu dive master e seu comandante, os quais vão passar a semana inteira conosco, sempre dispostos a ajudar, montar nossos equipamentos, aconselhar, contemporizar sobre os melhores picos, enfim, sempre preparados para servir com boa vontade de verdade. É visível que eles curtem o mergulho como nós. Fomos 14 mergulhadores em um barco que abrigava confortavelmente 30. Esta é mais uma marca do local: Exclusividade. Nada de socar todo mundo em um barco só para economizar pessoal ou combustível. Seu dive master está pronto para sugerir alguns pontos de mergulho, levando em consideração todos os outros anteriores já efetuados para não repetir nenhum local, salvo vocês desejem. O mais impressionante é que desde o momento em que acordamos, olhando aquele mar multicolorido em tons de azul até o momento em que nos deitamos para descansar somente encontramos sorrisos. Todos sorriem o tempo todo, impressionante, até parece que esse pessoal não tem fila de banco e muito menos engarrafamentos para enfrentar todos os dias, moram no paraíso e sabem disso.
 
Pico de mergulho definido, vamos para nossa longa e cansativa navegação de 10, no máximo 15 minutos ( sacanagem isso ), os barcos navegam em média a 20/24 nós ( motores johnn dee e caterpilar ) em um mar de almirante... Podem esquecer o enjoo, o mar é flat. Os mergulhos são efetuados com 1 cilindro só, não existe necessidade de ficarmos a deriva fazendo intervalo de superfície. Esses intervalos são feitos logo após o mergulho voltando ao deck. Como a navegação é pequena e, pensando no conforto da turma, o barco volta e fazemos nossos intervalos tomando café, chá ou alguma outra coisa qualquer, sentadinhos e confortáveis depois de uma ducha de água doce, nada de economizar combustível. O barco vai e volta conosco para pelo menos 3 mergulhos por dia, mais o noturno se estiver planejado. Se no final disso tudo os mergulhos não forem suficientes, peça um off shore, de praia mesmo, saindo do lado de sua cabana, das 3 da tarde até as 9 da noite os mergulhos estão liberados. Só é necessário planejar. Satisfação garantida para todos os mergulhadores, dos mais calmos, que fazem quantos desses mergulhos quiserem, até os psicopatas que gostam de fazer número.
 
Feito o primeiro mergulho ( que normalmente é por volta das 9:00 ou mais cedo, dependendo da navegação que vai ser feita, pois podemos escolher pontos mais distantes ), após nosso intervalo de superfície, vamos para nossa segunda saída. Neste momento se revela o bom senso do Staff, eles levam em consideração perfis do mergulho mais fundo para o mais raso, da mesma forma como também tem a preocupação de não repetir perfis parecidos. Se o primeiro é um naufrágio mais fundo, para o segundo pode ser sugerido um mais raso de parede e talvez para o terceiro um mais raso ainda de aquário. Notamos essa preocupação em todos os dias. Os mergulhos são planejados para não cansarem a galera. Mais uma pequena navegação e estamos em nosso segundo pico, todos maravilhosos diga-se de passagem, água novamente, viemos para que ?... vamos mergulhar !!!!

 

Depois de dois mergulhos "estafantes" cercados de correntes inexistentes (o drift da galera é uma piada, quem já foi a cozumel vai morrer de rir desses drift's ), é hora de voltarmos ao deck, saco vazio não para em pé. Então, uma ducha de água doce e vamos almoçar. Todos os dias pratos diferentes preparados na hora pelo "cheff", e por pratos, entendam PRATOS mesmo. A cozinha é um ponto que merece toda atenção. O cuidado com o menu é ponto forte do local. Nenhum cardápio repetido, entradas, prato principal e sobremesa, mimo, carinho e atenção que passa por saladas, costelinhas barbecue, lagosta, frutos do mar, hamburger's inesquecíveis ( nada pasteurizado, hamburguer de cheff ), enfim, um almoço de Rei.
 
Terminado o almoço, é hora de uma siesta, ficamos com um cochilo nos lounges da piscina, coisa de brasileiro folgado. O mergulho da tarde é pensado para casar com um tempinho para um relax depois do almoço, todos os dias estávamos de volta do segundo mergulho por volta das 11:30, almoçando lá pelas 12:00 cochilando as 13:00 e saindo de novo as 14:00, algo assim...
 
Terceiro mergulho, de preferência um aquário mais raso, com muita luz do sol entrando na água para podermos curtir os corais multicolorido, a visibilidade limitada em média aos 40/50 metros é um complicador, dá realmente vontade de não sair da água.
 
Várias coisas chamam a atenção em Roatan, uma delas é a relação que conseguimos ter com a vida embaixo d'agua. Encontramos um dos descendentes do Tonhão de Abrolhos (quem é das antigas já conheceu ou ouviu falar), um Robalo safado que insistia em nos seguir para todos os lados e quando via a lente da câmera ficava posando, é assim que a vida se comporta por lá. As tartarugas não estão nem aí, chegando com calma, o máximo que ela vai fazer é mandar um olhar do tipo "poxa, tô comendo... Tá vendo não?" e continuar a comer como se o senhor intruso não estivesse lá atrapalhando sua refeição. Esse padrão de interação é constante com toda vida presente, até parece que alguém os avisou que estamos ali em paz, que eles não devem se preocupar conosco, e o pior, pelo jeito eles acreditaram. Quando falo vida, é vida mesmo, em qualidade e quantidade, sugiro fortemente máquinas fotográficas e filmadoras, para todos os mergulhos, quem levar vai juntar muito material para o facebook e álbuns.
 
Terceiro mergulho finalizado, de volta ao deck, é hora de planejar o que fazer no final de tarde, minha sugestão é a piscina. No mar a água estava com 30 graus (nem adianta levar roupa, só uma segunda pele basta e sobra), na piscina a água vai estar por volta dos 33, e o bar (da piscina) está aberto até as 18:00.  Lounges confortáveis, esteiras, bar, água quente, espreguiçadeiras no meio de uma floresta de coqueiros.

 

Se você hoje tem um noturno para fazer, deveria ter deixado o equipo no barco, o staff já vai estar com tudo pronto aguardando sua chegada na hora previamente marcada, se não, é hora de tomar um bom banho relaxante, ver o sol se pôr na varanda de sua cabana, dar uma relaxada na espreguiçadeira ou ainda na rede enquanto a gata fica mais bonita ainda para te acompanhar no jantar (querendo fazer uma média, leve a esposa/o, namorada/o ou uma amiga/o colorido, isso vai contar pontos positivos no futuro, pode confiar. É um lugar muito romântico também).
 
Os jantares sempre são uma surpresa, podem ser na estrutura principal (restaurante) ou o pessoal do hotel pode ter levado toda a estrutura para jantarmos com o pé na areia estilo picnic americano. Uma apresentação de dança tradicional hondurenha não será uma surpresa, e o cardápio... Ahhh, não se preocupe, tudo é pensado e planejado levando em consideração o seu conforto e prazer independente do trabalho que pode dar.
 
Após o jantar, um namoro a luz do luar na varanda do quarto e uma boa noite de sono para no dia seguinte acordar e começar todo o calvário novamente.  Uma semana dessa forma nos faz repensar com toda certeza sobre nossa devida importância nesse mundo e também a respeito de quais são nossas reais prioridades.
 
E assim passamos uma semana, rodeados pela natureza, fazendo mergulhos incríveis, cercados de pessoas felizes e sorridentes.
 
Com relação aos mergulhos, não se preocupe, o staff tem todo interesse em passar um planejamento dentro das reais condições do grupo (ou sua). Eles estarão avaliando cada mergulho e expandindo gradativamente os limites das descidas dentro da zona de conforto de cada um, não queira ir direto para os mais "hard's", dessa forma a caminhada não será completa. Todos os mergulhos, e foram 20, são maravilhosos, não houve um em que houvesse algo para reclamar. Em particular sugerimos  que, em seu devido momento, os Cânions, os Naufrágios e as cavernas sejam feitos, todos estão ao alcançe. Como extras, o mergulho com golfinhos em mar aberto e o shark diver não devem ser deixados de lado. O custo desses dois mergulhos é aproximadamente US$ 100,00 e valem cada centavo... FAÇA-OS!!! Os golfinhos são lúdicos, bonitinhos, e o mergulho é em mar aberto, vale sim. O shark diver é bem controlado, seguro (apesar da adrenalina que sobe com certeza), essa vai ser uma experiência inesquecível, navegar junto com os galhas pretas recifais de 2 a 3 metros é demais.

 

No mais, o Resort conta com um centro médico totalmente equipado, inclusive com câmara e hiperbárica.             
 
Por essas e outras podemos afirmar que tivemos o prazer de conhecer um  dos lugares mais fantásticos desse mundo! Tivemos o privilégio de estar na água e fora dela com profissionais que gostam do que fazem. Deixamos por lá amigos que voltaremos a visitar brevemente. E então? Que tal se juntar ao nosso grupo e conhecer todas essas maravilhas?
 

 

INCLUINDO:
 
Parte aérea BSB/GRU/BSB.
Parte aérea com INTERNACIONAL desde Guarulhos.
TRASLADO de chegada e saída em Lima.
01 noite de acomodação em Lima, no BEST WESTERN LA HACIENDA – 31.Out à 01.Nov.2015.
CAFÉ da manhã.
TRASLADO de chegada e saída em Roatan.
COQUETEL DE BOAS VINDAS E ORIENTAÇÃO.
07 noites de acomodação em Roatan, no ANTHONYS KEY RESORT – 01 à 08.Nov.2015.
PENSÃO COMPLETA – Café da manhã, almoço e Jantar.
05 DIAS DE MERGULHOS, 03 MERGULHOS DIÁRIOS.
02 SAÍDAS para mergulho noturno.
RECONFIRMAÇÃO DO SEU VÔO DE VOLTA.
ENTRADA AO MUSEU DE ROATAN E APRESENTAÇAO DO SHOW DOS GOLFINHOS.
CAIAQUE, CANOAGEM – INCLUIDO NO PACOTE.
FREE WIFI
TAXAS hoteleiras.
 
Tarifas por PESSOA (Parte aérea e terrestre) – Base: Duplo/Key Superior: Consulte-nos 
FORMA DE PAGAMENTO: Parcelamento sem juros no cheque pré-datado. Sendo o 1º pagamento para data do fechamento do contrato e o último pagamento anterior a data da viagem.
(*) Valor convertido em reais de acordo com o câmbio do dólar na data do fechamento do contrato
SCLN 114   BLOCO D   LOJA 58 - SUBSOLO    70764-540     BRASÍLIA - DF          
TEL.: (61) 3034.4885/9211.1117/9153.6708
info@divewater.com.br

 

 

© 2013 by DIVE WATER CENTRO DE MERGULHO